Nesse ultimo domingo, 22 de março, foram realizados mais 3 ensaios na passarela do samba. Tuiuti, Vila Isabel e Mangueira pisaram forte na Sapucaí sob forte chuva e mostraram ao que vieram, três grandes apresentações, mesmo com publico reduzido devido ao forte temporal.

  • Fotos

Paraíso do Tuiuti

A primeira a pisar na marquês de Sapucaí foi a Paraíso do Tuiuti. A Azul e amarela de São Cristóvão mostrou a força de seu samba enredo, interpretado por Celsinho Mody e Grazzi Brasil, o samba era fortemente entoado, não só pela escola, mas também pela arquibancada, com destaque para o Refrão que promete trazer a arquibancada abaixo no dia oficial de desfile.

A bateria de mestre Marcão foi bastante prejudicada pela chuva e vento forte, a Tuiuti pegou a precipitação mais forte da noite, mas conseguiram fazer uma grande apresentação, empolgando o público por onde passava.

Vila Isabel

Abençoada pela entidade viva, Martinha da VIla, a Unidos de Vila Isabel fez um verdadeiro arrastão na Sapucaí. A azul de branco de 28 de setembro impôs um andamento de desfile para a escola, que foi a mais rápida a passar pela avenida nessa noite, causando uma impressão de estar pequena para muitos. O samba teve uma apresentação arrebatadora junto à swingueira de noel que teve uma apresentação impecável, que pese a chuva que continuava a ir e voltar, prejudicando a afinação dos surdos.

Mangueira

Fechando a noite tivemos a Estação Primeira de Mangueira, já com chuva e ventos mais fracos. Com um samba-enredo muito criticado, a verde e rosa apresentou um carro de som, cantores e cordas, muito competente que conseguiu fazer com que o samba funcionasse muito bem em sua apresentação. ao término da escola, um verdadeiro arrastão foi montado no fim da escola, afinal: atrás da verde e rosa só não vai quem já morreu.