Carnaval 2005

ORDEM DOS DESFILES

 

GRUPO ESPECIAL

ESCOLA CARNAVALESCO PONTOS
Beija-Flor de Nilópolis
O Vento Corta as Terras dos Pampas. Em Nome do Pai, do Filho e do Espírito Guarani. Sete Povos na Fé e na Dor… Sete Missões de Amor
Comissão de Carnaval 399,4
Unidos da Tijuca
Entrou Por um Lado, Saiu Pelo Outro… Quem Quiser Que Invente Outro!
Paulo Barros 399,3
Acadêmicos do Grande Rio
Alimentar o Corpo e a Alma Faz Bem
Roberto Szaniecki 398,6
Imperatriz Leopoldinense
Uma Delirante Confusão Fabulística
Rosa Magalhães 398,5
Acadêmicos do Salgueiro
Do Fogo Que Ilumina a Vida, Salgueiro é Chama Que Não se Apaga
Renato Lage e Márcia Lávia 397,9
Estação Primeira de Mangueira
Mangueira Energiza a Avenida. O Carnaval é Pura Energia e a Energia é o Nosso Desafio
Max Lopes 393,8
Unidos do Porto da Pedra
Carnaval – Festa Profana
Alexandre Louzada 393,5
Unidos do Viradouro
A Viradouro é Só Sorriso
Mauro Quintaes 393,4
Mocidade Independente de Padre Miguel
Buon Mangiare, Mocidade! A Arte Está na Mesa
Paulo Menezes 388,7
10º Unidos de Vila Isabel
Singrando em Mares Bravios… E Construindo o Futuro
Joãosinho Trinta (Wany Araújo) 386,8
11º Caprichosos de Pilares
Carnaval, Doce Ilusão – A Gente Se Vê Aqui, no Meio da Multidão! 20 Anos de Liga
Chico Spinosa 386,3
12º Império Serrano
Um Grito Que Ecoa no Ar (Homem/Natureza – O Perfeito Equilíbrio)
Ilvamar Magalhães 384,3
13º Portela
Nós Podemos: Oito Metas Para Mudar o Mundo
Comissão de Carnaval 383,9
14º↓ Tradição
De Sol a Sol, de Sol a Soja – Um Negócio da China!
Mario Borriello 379,6

Observação:
– A Unidos do Porto da Pedra reeditou o samba-enredo da União da Ilha do Governador do carnaval de 1989.

 

GRUPO A

ESCOLA CARNAVALESCO PONTOS
1º↑ Acadêmicos da Rocinha
Um Mundo Sem Fronteiras
Alex de Souza 179,7
União da Ilha do Governador
Das Veredas dos Trilhos a um Sonho de Fé… A Ilha Traz a Conquista do Pináculo, Corcovado Tentação!
Alaôr Junior e Antônio Roberto 178,9
São Clemente
Velho é a Vovozinha: A São Clemente Enrugadinha e Gostosinha
Milton Cunha 178,4
Acadêmicos de Santa Cruz
Rio – Conquistas e Glórias de Uma Cidade de Histórias
Comissão de Carnaval 178,3
Alegria da Zona Sul
Teatro Rival, 70 Anos de Resistência Cultural
Oswaldo Luiz, Carlos André
e Marco Antônio Falleiros
176,1
Acadêmicos do Cubango
O Fruto da África de Todos os Deuses no Brasil de Fé. Candomblé…
Jaime Cezário 175,5
Vizinha Faladeira
2222 Gil, Expresso da Cultura no Brasil
Antônio Sérgio 175,2
Renascer de Jacarepaguá
Espelho, Espelho Meu!
Lane Santana 175,1
9º↓ Paraíso do Tuiuti
Cravo de Ouro, Eu Também Sou da Lira e Não Quero Negar
Rodrigo Siqueira 174,8
10º↓ União de Jacarepaguá
Iriruama… Arara-o-Ama, Por Toda Eternidade
Comissão de Carnaval 172,7

 

GRUPO B

ESCOLA CARNAVALESCO PONTOS
1º↑ Estácio de Sá
Arte Negra na Legendária Bahia
Sylvio Cunha 179,9
2º↑ Arranco do Engenho de Dentro
Quem Vai Querer?
Jorge Caribé 179,9
Boi da Ilha do Governador
As Águas de Oxalá
Guilherme Alexandre 179,4
Lins Imperial
O Bêbado e a Equilibrista… O Show Tem Que Continuar
Eduardo Gonçalves 178,5
Inocentes de Belford Roxo
O Ouro do Lixo – De Onde Vai, Para Onde Vem, Reciclando Com Pé No Futuro
Sérgio Carioca 177,8
Unidos da Ponte
E Eles Verão a Deus
Edgley Cunha 177,7
Império da Tijuca
Sargentelli, um Carioca do Brasil. É Samba, É Alegria, É Mulata Nota Mil
Sandro Gomes 177,7
Unidos de Lucas
Mar Baiano Em Noite de Gala
Marcelo Portella 177,2
Independente da Praça da Bandeira
Josué de Castro: Ecoa um Grito Contra a Fome, Pela Cidadania e Pela Paz na Terra
Amarildo de Mello 175,5
10º↓ Unidos do Jacarezinho
Monarco Voz e Memória do Samba, um Passado de Glória
Eduardo Minucci 174
11º↓ Leão de Nova Iguaçu
Na Magia do Palco da Vida – Emilinha Borba, a Rainha do Brasil!
Flávio Alberto Campello e
Nelson Ferreira
173,6
12º↓ Mocidade de Vicente de Carvalho
Da Lenda à História de Itaguaí
A.D. Moreira (Bia) e Rodrigo Bonan 172,2

Observações:
– A Estácio de Sá reeditou seu samba-enredo do carnaval de 1976.
– O Arranco do Engenho de Dentro reeditou seu samba-enredo do carnaval de 1989.
– A Unidos da Ponte reeditou seu samba-enredo do carnaval de 1983.
– A Unidos de Lucas reeditou seu samba-enredo do carnaval de 1976.
– A escola de samba Inocentes da Baixada voltou a se chamar Inocentes de Belford Roxo, voltando sua sede para a cidade de Belford Roxo.

 

GRUPO C

ESCOLA CARNAVALESCO PONTOS
1º↑ União do Parque Curicica
Bahia de São Salvador, o Porto Seguro do Brasil
Jorge Caribé 179,9
2º↑ Flor da Mina do Andaraí
Andara-Y, Uma Celebridade Adocicada com 400 Anos de História
Clóvis Costha 174
3º↑ Difícil é o Nome
Retiro dos Artistas, Proteção e Gratidão a Todos os Artistas do Brasil
Comissão de Carnaval 173,4
Acadêmicos do Engenho da Rainha
Rosa Vermelha, Rosa Amarela, Rosa Branca, Rosa Chá… Até Rosa Barroca o Carnaval Dá
Ricardo Machado 171,6
Unidos do Cabral
Amir Haddad, da Lapa ao Cabral… Carnavalizando o Teatro, Teatralizando o Carnaval
Ricardo Pavão e Lu Ferreira 171,1
Gato de Bonsucesso
Rio, a Mais Maravilhosa das Cidades
Comissão de Carnaval 171
Arrastão de Cascadura
O Rio em Ação é Pan no Carnaval do Arrastão
Sandro Gomes 170,9
Unidos da Villa Rica
Em Sua Viagem Ambiental, Villa Rica Recicla o Carnaval
Tadeu Salgado 168,9
Canários das Laranjeiras
O Brasil Põe a Mesa – É o Banquete do Povo Para Acabar com a Fome e Diminuir a Tristeza
Agnaldo Corrêa 168,8
10º Acadêmicos da Abolição
Neste Carnaval, a Acadêmicos da Abolição é Surreal
Lane Santana 168,5
11º Unidos do Cabuçu
Pindorama, Paraíso de Belezas Naturais, Hoje Terra de Todos, Depois só Brasil
Luiz Carlos Guimarães 167,7
12º↓ Unidos do Anil
Vila Isabel, Berço do Samba
Comissão de Carnaval 166,6
13º↓ Acadêmicos da Barra da Tijuca
A Revolta de Netuno Contra a Poluição das Águas
Comissão de Carnaval 166,4
14º↓ Unidos do Sacramento
Do Barro ao Jarro, uma História Feita a Mão
Luiz Freire 165,6

Observação: A Unidos do Sacramento, que desfilou pela primeira vez no carnaval carioca, entrou na vaga da Foliões de Botafogo, que faria parte deste grupo, mas foi extinta.

 

GRUPO D

ESCOLA CARNAVALESCO PONTOS
1º↑ Unidos de Padre Miguel
Abram Alas Que Eu Quero Passar. Sou Carnaval Carioca, sou Unidos de Padre Miguel
André César 178,8
2º↑ Sereno de Campo Grande
Uma Estrela Imortal – Clara Nunes
Wagner Silva 178,1
3º↑ Acadêmicos de Vigário Geral
Respeitável Público, o Circo Chegou
Cid Franco 177,6
Em Cima da Hora
Mãe Baiana, Signo da Africanidade Carioca
Cida Donato 177
Acadêmicos do Dendê
Na História do Relógio, Tudo Tem Hora Certa
Jorge Mendes 175,4
Unidos de Cosmos
Com a Fina Flor do Samba, Cosmos Pede Passagem
Comissão de Carnaval 173,1
Mocidade Unida do Santa Marta
Todo Dia Era Dia de Índio
Ivano Fernandes 172,7
Acadêmicos do Sossego
Mata Para Que Te Quero…
Letycia Fiuza 172,7
Unidos da Vila Kennedy
A Vila Exalta Volta Redonda. Um Sonho Feito de Aço e Ousadia
Nelson Costa 172,2
10º Paraíso da Alvorada
Realidade ou Ilusão? O Paraíso Conta a Abolição
Agnaldo Corrêa 171
11º Unidos de Manguinhos
Viajando na Própria História, Manguinhos Revive… E Tá Danado de Bom
Comissão de Carnaval 168,7
12º↓ Boêmios de Inhaúma
O Místico, o Sagrado e o Profano… Boêmios Exalta o Folclore Brasileiro
Edson Siqueira 167,8
13º↓ Delírio da Zona Oeste
Delírio, Previsões e Profecias, com Nostradamus na Folia
Gilson Senna e Fábio Ancillotti 162,2
14º↓ Mocidade Unida de Jacarepaguá
Brasil Feito à Mão
Marinaldo Bezerra 159,9

Observação:
– A Unidos de Manguinhos reeditou seu samba-enredo do carnaval de 1993.

 

GRUPO E

ESCOLA CARNAVALESCO PONTOS
1º↑ Unidos do Uraiti
Rildo Menezes, um Amigo do Rei. Do País do Futebol Para o Mundo
Walmir de Oliveira 174,3
2º↑ Arame de Ricardo
O Arame Arma a Lona da Alegria. Respeitável Público – Assim Anuncia o Apresentador do Espetáculo
Marco Guedes 174,3
3º↑ União de Vaz Lobo
Da Escravidão à Ascensão, o Negro que Deu Certo
Henrique Mendes 173,6
Mocidade Independente de Inhaúma
A Lenda da Vitória-Régia
Comissão de Carnaval 172,2
Unidos da Vila Santa Tereza
Da Serrinha Para o Mundo, Tia Doca – Uma Lição de Vida
Adilson Correia e Gilberto Laino 171,9
Imperial de Morro Agudo
Uma Viagem Imperial de Queluz à Madureira, Rumo ao Centenário de Natal
Cosme de Jesus e Juninho Gusman 155

Observação: Por ter sido a última colocada do último grupo, a Imperial de Morro Agudo ficou impedida de desfilar no ano seguinte.

 

GRUPO DE AVALIAÇÃO

ESCOLA CARNAVALESCO
Aprovada
Corações Unidos do Amarelinho
Fernando Moreno, das Páginas do Povo Para o Coração do Povo
Fátima Siqueira
Aprovada
Rosa de Ouro
Obá, a Terceira Mulher de Xangô
Osmar Costa e Gilberto Barros