Mestre Ricardinho comanda os ritmistas da Bateria Super Som durante o ensaio técnico na Marquês de Sapucaí (Foto: Site Carnavalesco)

O terceiro e último final de semana de ensaios técnicos para o Carnaval 2019 contou com a presença de União da Ilha, Império Serrano e Imperatriz, que ensaiaram no sábado, dia 23 de fevereiro, mais a Paraíso do Tuiuti e a campeã de 2018, a Beija-Flor, que marcaram presença no domingo, dia 24. Todas elas puderam contar com o som oficial da avenida, fazendo um importante teste para o grande dia, completando assim as 14 escolas de samba do Grupo Especial.

A primeira agremiação a pisar na passarela do samba no sábado foi a União da Ilha do Governador, que cantará o Ceará falando dos escritores Rachel de Queiroz e José de Alencar, nascidos no estado. A “Baterilha”, dos mestres estreantes Keko e Marcelo, deu uma amostra do que fará no desfile oficial:

Em seguida, passou o Império Serrano. A verde e branco da Serrinha cantará “O Que É, o Que É?”, um sucesso de Gonzaguinha. Confira a performance da consagrada “Sinfônica do Samba” do mestre Gilmar na pista de desfiles:

Encerrando os ensaios de sábado, a Imperatriz Leopoldinense fez um alegre treino na avenida. A verde, branco e ouro de Ramos falará sobre o dinheiro no próximo carnaval. A “Swing da Leopoldina” de mestre Lolo promete um sacode no domingo de carnaval:

Os ensaios de domingo contaram com as duas primeiras colocadas do carnaval de 2018. Abrindo os trabalhos, a vice-campeã Paraíso do Tuiuti vai contar a história de um bode que foi eleito Governador no Ceará. Confira o desempenho da bateria Super Som de mestre Ricardinho:

A última escola da temporada de ensaios técnicos foi a campeã Beija-Flor de Nilópolis. A azul e branco da baixada contará na avenida seus 70 anos de história e a bateria Soberana dos mestres Plínio e Rodney tocou firme em busca do bicampeonato:


TAGS: , , , , , , , , , , , , , , , ,