Ordem dos desfiles – Carnaval 2021

Foi realizado na tarde do dia 14 de dezembro o sorteio da ordem dos desfiles das escolas do Grupo Especial para o carnaval de 2021.

Em clima de expectativa pela vacina contra a covid-19, já que o carnaval fora de época em julho só será realizado se houver uma, os dirigentes das 12 agremiações estiveram presentes na sede da LIESA.

Segundo o presidente da Liga, Jorge Castanheira, é necessário esse planejamento com antecedência, pois o carnaval não é feito do dia para a noite. Caso ainda não tenhamos uma vacina, os desfiles só ocorrerão em fevereiro de 2022.

Como nos demais anos, as escolas foram divididas em pares, que foram divulgados no momento do sorteio. Quem tira a bolinha maior de cada par tem direito a escolher o dia que deseja desfilar (domingo, 11/07/2021, ou segunda-feira, 12/07/2021). As duplas foram as seguintes:

 

Viradouro e Grande Rio

Mocidade e Beija-Flor

Salgueiro e Vila Isabel

Mangueira e Portela

Unidos da Tijuca e São Clemente

 

Conforme o regulamento, a Imperatriz Leopoldinense, campeã da Série A em 2020, e a Paraíso do Tuiuti, 11ª colocada do Grupo Especial no último carnaval, abrem os desfiles de domingo e segunda-feira, respectivamente, podendo trocar com outra agremiação, desde que esteja na mesmo dia, caso haja consenso entre ambas.

O sorteio do dia de desfile foi iniciado pelo par Viradouro x Grande Rio. A campeã de 2020 tirou a bola 1 e a tricolor de Caxias sorteou a bola 10, tendo o direito de escolher o dia de desfile, que foi a segunda-feira.

O par seguinte foi Mocidade x Beija-Flor. A verde e branco de Padre Miguel tirou a bola 7, número maior do que a sua madrinha nilopolitana, que ficou com a bola 2. A segunda-feira também foi o dia escolhido pela Mocidade.

A terceira dupla a definir seus dias de desfile foi Salgueiro x Vila Isabel. A vermelho e branco da Tijuca ficou com a bola 4, enquanto que a azul e branco do bairro de Noel tirou a bola 10, escolhendo assim a segunda-feira.

O par das tradicionais Mangueira x Portela teve como vencedor a azul e branco de Madureira, que pegou a bola 8, um número acima da verde e rosa, que tirou a bola 7. Assim como os demais, a Portela também escolheu a segunda-feira.

O último par foi Unidos da Tijuca x São Clemente. A azul e amarelo do Borel teve o direito de escolher seu dia de desfile (segunda-feira), pois tirou a bola 8, enquanto que a amarelo e preto de Botafogo sorteou a bola 3.

Finalizada a definição de quais agremiações desfilariam em cada dia, foi feito então a sorteio da ordem propriamente dita. Para cada dia de desfile, foram colocadas bolas no globo de números 2 a 6, em que cada número equivale exatamente à posição de cada escola. Inicialmente, a ordem havia ficado assim:

DOMINGO SEGUNDA-FEIRA
1 – Imperatriz 1 – Paraíso do Tuiuti
2 – Salgueiro 2 – Portela
3 – Mangueira 3 – Unidos da Tijuca
4 – Beija-Flor 4 – Mocidade
5 – Viradouro 5 – Grande Rio
6 – São Clemente 6 – Vila Isabel

Após a finalização do sorteio, as escolas tiveram direito a 10 minutos para fazerem trocas entre elas, desde que tivessem sido sorteadas para o mesmo dia de desfiles. O domingo teve duas trocas: a primeira entre Salgueiro e Mangueira e a outra entre Beija-Flor e São Clemente. Das escolas sorteadas para a segunda-feira houve apenas uma, que foi entre Mocidade e Unidos da Tijuca.

A ordem definitiva, portanto, ficou da seguinte forma:

DOMINGO SEGUNDA-FEIRA
1 – IMPERATRIZ 1 – PARAÍSO DO TUIUTI
2 – MANGUEIRA 2 – PORTELA
3 – SALGUEIRO 3 – MOCIDADE
4 – SÃO CLEMENTE 4 – UNIDOS DA TIJUCA
5 – VIRADOURO 5 – GRANDE RIO
6 – BEIJA-FLOR 6 – VILA ISABEL